5 exemplos de usos de blockchain para vantagens competitivas

Por Enginebr
0 Comentário

Apesar do conhecido potencial do blockchain, só 1% dos CIOs estão aderindo à tecnologia dentro de suas companhias, e 8% planejando provas de conceito de curto prazo, segundo apontou o estudo CIO Survey 2018, do Gartner. Além disso, 77% dos CIOs consultados afirmaram que sua empresa não está interessada na tecnologia e/ou não tem nenhuma ação planejada para investigá-la ou desenvolvê-la.

Ainda assim, o Gartner sugere que os CIOs seriam sábios em acompanhar o movimento blockchain e iniciar um teste com a tecnologia para entender o que é viável e considerar possíveis casos de negócios. O portal Computerworld levantou exemplos que mostram como as organizações estão buscando alavancar o blockchain para os negócios:

1 – Para garantir os direitos humanos

A Organização das Nações Unidas está explorando duas importantes rotas de blockchain: verificação de identidade e confiança na cadeia de suprimentos, segundo Atefeh Riazi, CIO da ONU, durante o painel do MIT Sloan CIO Symposium.

Utilizando um aplicativo blockchain para verificar a identidade humana, a ONU poderia simplificar a identificação das pessoas, por parte das autoridades, impedindo a exploração e crimes contra mulheres e crianças.

O CIO também vem estudando como a ONU pode usar o blockchain para comprovar a procedência de remédios que envia para todo o mundo. Isso ajudará a provar que as pessoas estão recebendo os medicamentos corretos para suas doenças.

2 – Um blockchain para rastrear grãos

As empresas australianas CBH Group e AgriDigital estão usando blockchain para rastreabilidade da cadeia de fornecimento na produção de grãos.

No teste, um agricultor armazenou uma ficha de entrega de aveia para representar a propriedade sobre o grão. O agricultor vendeu o título digital, incluindo informações sobre o volume de grãos e outros atributos, uma semana depois, via blockchain. O piloto também rastreou a proveniência da aveia orgânica da fazenda por meio da cadeia de fornecimento.

3 – Blockchain para logística

A United Parcel Service tem uma equipe voltada a explorar o impacto do blockchain na cadeia de custódia, afirma Linda Weakland, diretora de arquitetura e inovação empresarial da UPS. A profissional vê um grande potencial para o Blockchain na automação dos diversos processos manuais que compõem a corretagem alfandegária. Este sistema poderia auxiliar a empresa a “modernizar toda a prática e liberar bens muito mais rapidamente”. O Blockchain também melhoraria a precisão das transações e diminuiria os custos de ativos físicos, como os containers.

4 – Segurança alimentar

A Driscoll’s, juntamente a produtores de alimentos, está trabalhando com a IBM para usar o blockchain para ajudar a provar a origem de alimentos contaminados, de acordo com Tom Cullen, CIO da empresa. Como o blockchain pode registrar cada ponto de dados em uma cadeia de suprimentos, ele gera um paraíso virtual de informações científicas acerca de produtos que estão rastreando.

5 – Imóveis

A introdução de contratos inteligentes em blockchain deu a oportunidade para ativos de alto valor, como imóveis, serem comercializados digitalmente. Normalmente aplicações e serviços imobiliários limitam-se a conectar compradores e vendedores. Grande parte do processo ainda depende de transações face-a-face e de terceiros, como corretores, bancos e advogados.

Fonte: Computerworld