5 projetos de TI que são temidos, mas solucionáveis

Por Enginebr
0 Comentário

Os projetos temidos pela maioria dos profissionais de TI são aqueles que envolvem tarefas ingratas, mas fundamentais, que acabam tendo pouco reconhecimento ou respeito.

A tecnologia dificilmente é a causa dos projetos de TI assombrados. As iniciativas tecnológicas costumam desandar mais em função de expectativas irreais, falhas no escopo adequado, confrontos culturais, ou até mesmo uma falta de apoio satisfatório do alto escalão.

Confira os cinco projetos mais temidos pelos profissionais de TI, mas que têm sua solução:

  1. Enormes correções no último minuto

O patching é uma das tarefas essenciais que quase todo profissional de TI detesta fazer. Mas adie-o por muito tempo e deixe de garantir que todas as suas máquinas estejam atualizadas. Os piores trabalhos de patch são aqueles onde os sistemas foram negligenciados por anos, afirma, para o portal CIO, Unnar Gardarsson, CTO da Alvaka. Para evitar os piores cenários, tenha um cuidado extra para garantir um plano de backup completamente testado que seja responsável por todos os sistemas.

  1. Migração de email para a nuvem

Em princípio, migrar de uma solução de e-mail on-premise para a nuvem parece simples. Segundo Mike Meikle, CEO da SecureHIM, é comum os usuários colecionarem mensagens antigas que supõem serem importantes. Eles possuem e-mails que deveriam ter apagado anos atrás. E se estiver migrando de um sistema legado, será obrigado a lidar com muita conversão de dados. Algumas das informações presentes nas mensagens são confidenciais e regulamentadas. Portanto, é preciso estar em conformidade com os regulamentos adequados.

  1. Mandatos de conformidade “órfãos no nascimento”

Existem dois tipos de projetos de TI: os que recebem um consistente patrocínio da alta administração da empresa, porque são estratégicos para o sucesso da organização, e todos os outros. Porém, os tipos mais temidos são aqueles em que os funcionários devem ser arrastados, lutando contra as regras de conformidade, sem receber um apoio de cima.

  1. ERP é uma palavra de quatro letras

Implementar um novo sistema ERP exige muita competência e dedicação. Ter que interagir com o ERP e hardware legados requer sempre um cuidado a mais. Ao site, Dan Coleby, diretor de desempenho de negócios e consultoria da IT Lab, aponta que a tecnologia sozinha não é a resposta: pessoas e processos são essenciais. “No Laboratório de TI, sempre lidamos com organização, estrutura, processo e o lado de governança da TI, porque isso é sempre tão importante quanto a própria tecnologia”.

  1. Sob escopo e além do prometido

Seja por um excesso de otimismo, a intenção de impressionar o alto escalão, ou até mesmo a falta de um escopo adequado dos projetos, subestimar o tempo e o esforço necessários para entregar um aplicativo pode transformar um projeto desafiador em um projeto caótico.

Fonte: CIO